Leishmaniose

Inflamação dos gânglios linfáticos em cães é um sinal de leishmaniose?

Inflamação dos gânglios linfáticos em cães é um sinal de leishmaniose?
19/04/2024

A linfadenomegalia, ou inflamação dos gânglios linfáticos, é comum em cães afetados pela leishmaniose, e é acompanhada por anorexia, perda de peso e fraqueza. 

É um sinal comum na leishmaniose cutânea e pode estar associado à linfangite e linfadenite regionais. Devemos ter em conta que, sendo a leishmaniose uma doença patogénica, os sinais clínicos podem aparecer após meses de incubação; nesse caso, os gânglios linfáticos inflamados tendem a aparecer na área da lesão ou inflamação causada pela picada do flebótomo.

É muito importante estar atento aos sinais que podem aparecer, como esta patologia do sistema linfático, pois atuar a tempo pode ajudar-nos a combater a doença de forma mais eficaz.

 

Realizar um diagnóstico é fundamental para estabelecer um ciclo de tratamento adequado. Este processo deve ser realizado o mais rapidamente possível para interromper a transmissão dos cães afetados para os vetores. 

Manter-se informado e investir numa aprendizagem contínua são  ferramentas chave de prevenção. É importante conhecer os sinais da leishmaniose, além da inflamação dos vasos linfáticos em cães. Visitar o médico veterinário é necessário para elaborar um diagnóstico e tratamento adequados. 

Para mais informações sobre como proteger a saúde do seu cão e para saber mais sobre doenças como a inflamação dos gânglios linfáticos acima mencionada, siga-nos no Instagram e subscreva a nossa newsletter.

Fuentes:
  • Consejo Europeo para el Control de las Parasitosis de los Animales de Compañía. Control de Enfermedades transmitidas por perros y gatos. Guía ESSCAP nº5. guia5_P31620-FINAL.pdf (esccap.es)

Descarregar o nosso guia gratuito

Descarregar o nosso guia gratuito

Tem dúvidas sobre como proteger o seu animal de estimação?  Enviamos-lhe o nosso guia gratuito com toda a informação.

Protección de Datos
Información básica sobre Protección de Datos referente al tratamiento de datos de personas que se suscriben a las newsletters
Responsable LETI Pharma, S.L. UNIPERSONAL
Finalidad Enviarle newsletters y/o boletines con información de su interés, inclusive dentro de su zona geográfica.
Legitimación Consentimiento del interesado
Destinatarios No se comunicarán datos a terceros, salvo obligación legal.
Derechos Acceder, rectificar y suprimir los datos, así como otros derechos, como se explica en la información adicional
Información adicional Puede consultar la información adicional y detallada sobre Protección de Datos en www.leti.com/protecciondedatos
Artículos relacionados